16/02/2019 às 00h06min - Atualizada em 16/02/2019 às 00h06min

Polícia de Oriximiná prende acusado de latrocínio, crime que aconteceu em 2016. A prisão foi resultado da operação Acari.

Por: Márcio Garcia
Foto: Policia Civil
ORIXIMINÁ - Na tarde desta sexta-feira (15) a Polícia Civil de Oriximiná deflagrou a operação “ACARI” com o objetivo de dar cumprimento ao mandado de prisão em desfavor do nacional Elias Silveira da Costa envolvido em um latrocínio consumado que ceifou a vida de Samuel Nogueira Lima, empresário da cidade de Oriximiná, crime ocorrido em agosto de 2016.

Na época do crime os indiciados Alex Pinheiro Da Silva, que fugiu do presídio na última noite de quinta-feira (14), e Elias Silveira da Costa, que foi preso na operação ACARI desta sexta-feira, armados de armas de fogo tipo revólver com o intuito de subtrair joias, ouro, dinheiro e roupas da vítima se esconderam numa casa em construção em frente à casa da vítima que chegou no seu carro por volta das 23:30h, seu filho menor  desceu e abriu o portão da garagem, quando o carro adentrou no pátio da residência, os acusados agiram rápido, o nacional ALEX PINHEIRO DA SILVA, com uma touca ninja na cabeça invadiu o pátio da casa e mandou a vítima e sua mulher descerem do carro, pegando o filho da vítima como refém. ELIAS SILVEIRA DA COSTA, armado com uma arma de fogo dava cobertura na ação ficando no portão de vigilante olhando para a rua. Em dado momento a vítima começou a gritar por socorro, pegou um cabo de vassoura, quando ALEX desferiu dois tiros de arma de fogo na direção da vítima, vindo os indigitados a se evadirem do local.

De posse do mandado de prisão os policiais civis de Oriximiná disfarçados dirigiram-se à comunidade ACARI local onde o foragido se escondia. Após ser constatado que ele não estava na comunidade, descobriu-se que ele era funcionário de uma prestadora de serviços da MRN (Mineração Rio do Norte), oportunidade em que a viatura de polícia se dirigiu até o distrito de Porto Trombetas e logram na captura em seu alojamento.

Nosso correspondente Marcio Garcia, falou com Elias, que disse ser inocente.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.3%
10.1%
1.7%
0%
0%
15.3%
1.7%
0.6%
33.8%
1.7%
3.8%
4.6%
2.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp