12/12/2018 às 18h05min - Atualizada em 12/12/2018 às 18h05min

Dois casos de violência contra criança foram destaques na imprensa paraense, suspeitos diácono da igreja evangélica e um técnico de enfermagem

Diácono de Igreja Evangélica é preso acusado de estuprar as próprias filhas. Técnico de enfermagem é preso por estuprar criança em Coaraci e Benevides

Informações - Imprensa paraense CRN e RG15
Por: Márcio Garcia
SANTARÉM - A delegada Mila Moura e sua equipe de Policiais Civis da Delegacia Especializada de Atendimento à Criança e ao Adolescente (DEACA), em Santarém, cumpriram nesta quarta-feira (12), mandado de prisão expedido pelo Juiz Alexandre Rizzi, em desfavor de Eder Sandro Campos Siqueira, 37 anos, Diácono da Igreja Assembleia de Deus. Ele é acusado de estuprar as duas filhas.

As vítimas têm hoje 12 e 13 anos, e eram abusadas desde que tinham 7 e 8 anos. O acusado estava separado da mãe das crianças há 8 anos, porém, quando elas passavam o fim de semana com ele, abusava delas. Um irmão das vítimas presenciou os abusos e resolveu contar a sua mãe, que fez a denúncia.

“Não suportava mais ver ele pregando uma coisa na igreja e em casa fazendo um crime horrível”, disse o irmão das vítimas à delegada.
De acordo com a delegada Mila Moura, as irmãs não sabiam entre si, que eram abusadas.

Eder Sandro passou por exame de corpo de delito no CPC Renato Chaves e já se encontra na Central Triagem Masculina (CTM) do Complexo Penitenciário de Cucurunã.
Informações - RG 15 / O Impacto
 
Outro caso - Técnico de enfermagem é preso por estuprar criança em Icoaraci e Benevides

ICORACI E BENEVIDES
- Policiais civis da Delegacia de Benevides prenderam na tarde desta quarta-feira (12), em cumprimento a mandado de prisão preventiva, um técnico em Enfermagem acusado do crime de estupro de vulnerável. Anderson Ferreira Lima é acusado de abusar sexualmente de duas crianças de 10 e 11 anos de idade, durante atendimentos realizados em hospitais de Benevides e no distrito de Icoaraci, em Belém.

O homem foi conduzido à Delegacia de Benevides, onde será apresenado à delegada Claudilene Maia. Segundo relatos de vítimas, o preso é acusado de estuprar crianças na sala de atendimento. Ele não permitia que os pais e pessoas responsáveis entrassem no local para acompanhar o atendimento e se aproveitava desse momento para abusar das crianças na hora de aplicar medicação injetável.
 
Em um dos casos, no Posto Médico de Saúde da Rua Central em Benevides, ocorrido em 27 de setembro deste ano, ele teria abusado por meio de ato libidinoso, uma menina de onze anos, durante atendimento no local. A delegada aguarda a chegada do preso para dar prosseguimento ao inquérito.
Informações - CRM
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.3%
22.8%
10.1%
1.3%
0%
0%
15.3%
1.6%
0.7%
35.5%
1.3%
4.2%
3.6%
1.3%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp