17/03/2018 às 19h50min - Atualizada em 17/03/2018 às 19h50min

Óbidos vive um momento de instabilidade em relação a denúncias do Presidente da Câmara de vereadores de supostas irregularidades.

Entre as denúncias, está sobre nota de medicamentos não entregue, já emprenhada, sumiço de ambulância que está em outro estado, além de formalização de criação de CPI, auditória na Secretária de Saúde e denuncia ao MP. (Veja Matéria em vídeo)

Por: Elton Pereira

ÓBIDOS - O presidente da Câmara de Vereadores de Óbidos no oeste do Pará, senhor José Carlos Silva de Souza ou como é conhecido "Preto" do PSD, pede explicação da atua gestão municipal para dois casos destinos.

O primeiro (1°) é sobre a remoção de uma ambulância do SAMU para reformas sem comunicar qualquer órgão, a mesma segundo informações foi levada por um empresário para Goiânia.

A segunda (2°) denuncia da conta de notas para pagamento de remédios empenhadas, segundo o presidente da Câmara as medicações nunca chegaram até o município.

Preto falou ainda sobre a tentativa de abertura de uma CPI (comissão parlamentar de inquérito), para investigar as irregularidades que foi negada na câmara por falta de votos a favor da instauração da mesma.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.4%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
34.2%
1.2%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp