16/03/2018 às 15h29min - Atualizada em 16/03/2018 às 15h29min

Sobre um caso de “fetichismo” obidense – 1901

Por: Pe. Sidney Canto
Do Blog do Pé. Sidney

Foto: Blog do Pe. Sidney Canto

ÓBIDOS - A “Cidade de Óbidos” em uma de suas últimas edições, tratando do grande número de foliões ou especuladores que exploram a crença popular, aproveitando a safra do cacau, com imagens de todas as qualidades e invocações, termina assim a sua local, onde nos apresenta duas santas novinhas da silva, e que estão chamando a atenção das autoridades locais: N. Sra. do Alimento e N. Sra. do Pau.

Termina assim o referido jornal:

“Uma das santas que anda a esmolar chama-se N. Sra. do Alimento, que supomos ser até hoje, desconhecida da Igreja.

Vem, a propósito, chamar a atenção para um caso de idolatria, que se está passando na Ilha das Figueiras, distrito do Paraná de Baixo.

 

No tronco de um cacaueiro formou-se um nó que desenvolveu-se de maneira a imitar a configuração de um boneco sem braços e sem rosto. Bastou a semelhança para começarem a fazer promessas e rezarem invocando a nova divindade: N. Sra. do Pau, que afirmam os devotos fazer milagres e dar rigorosos castigos! Já tiveram a estúpida arrogância de colocar uma coroa de prata, envolver com trancelim de ouro o nó do pau, junto ao qual se encontram diversos objetos e dinheiro.

Dizem os devotos que o santo pau até já fez o milagre de desencalhar o vapor de uma conhecida firma da Capital do Estado.

Teremos voltado ao paganismo, ou melhor, fetichismo dos antigos Pauxis?...”.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Findando o período letivo qual a matéria mais difícil de passar?

7.9%
12.4%
40.4%
10.1%
14.6%
5.6%
9.0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...