20/10/2017 às 16h21min - Atualizada em 20/10/2017 às 16h21min

Está provado que “mentiras tem pernas curtas”. Informações viralizadas em redes sociais informavam que o atual prefeito de Oriximiná estava cassado!

Por tanto mal entendido, foi preciso a procuradora do município Elisangela Batista em entrevista coletiva, vir a público para dizer que isso não é verdade, que o processo em julgamento era do gestor anterior Luiz Gonzaga referente ao ano de 2012.

Por: Márcio Garcia
Foto: Márcio Garcia

ORIXIMINÁ – Moradores e eleitores de Oriximiná, cidade que fica no oeste do estado do Pará, amanheceram com uma notícia postada em redes sociais, onde informava que o atual prefeito de Oriximiná Ludugero, tinha sido Cassado e que a justiça eleitoral iria convocar novas eleições. Segue printe da postagem.

Mas como isso seria possível? Se o atual prefeito teve sua candidatura homologada pelo TSE?. Tudo não passou de boatos, e segundo alguns correligionário do prefeito Ludugero, isso poderia ser coisa da oposição!

Mas para desmentir tudo, foi preciso a procuradora do município de Oriximiná Dra. Elisangela Batista, vir a público e dizer, que isso não era verdade e quem estava sendo julgado era o antigo gestor de Oriximiná o ex-prefeito Luiz Gonzaga e que o atual prefeito nem fazia parte do processo, por tanto seu mandato estava garantido, pois o mesmo foi eleito pelo voto direto dos oriximinaenses.

Disse a Dra. Elisangela Batista, procuradora do município: “A decisão proferida na última terça feira, no julgamento no TSE, ainda sobre as eleições de 2012, onde foi negado provimento ao recurso para afastar a inelegibilidade do ex-Prefeito Luiz Gonzaga. Esse pedido que foi negado pelo TSE não interfere em nada na gestão atual da Prefeitura Municipal de Oriximiná, e nem na governança do Prefeito Ludugero”.

Continuou a procuradora: “Deve ser esclarecido que nessa decisão do TSE, como já havia sido consolidado na decisão do TRE/PA o atual Prefeito Ludugero (Antônio Odinélio) já havia conseguido que fosse afastada a sua inelegibilidade. Portanto, é falsa a alegação de que essa decisão do TSE determinaria a realização de nova eleição, porque não foi discutida a eleição do Ludugero de 2016”.

Portanto sempre fiquem atento com informações em redes sociais postadas por pessoas que não tem responsabilidade com a verdade.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.4%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
34.2%
1.2%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp