17/05/2017 às 16h48min - Atualizada em 17/05/2017 às 16h48min

Após ser ameaçado de morte, pai denuncia filho na delegacia de polícia de Oriximiná.

Com medo e sem ter mais o que fazer, pai pede socorro e diz que não consegue dormir direito preocupado ao chegar ao ponto de chorar de tristeza.

Para o Portal Obidense
Por: Marcio Garcia
Foto: Marcio Garcia

ORIXIMINÁ – Parece filme de ficção, mas a realidade se confunde com roteiros de filmes, por se tratar de situação difíceis de imaginar ou que poderá acontecer.

Os valores realmente estão se invertendo, a justiça parece que realmente está desacreditada, pois para aquele que pretendem andar as margens da lei, ficou simples ou banal cometer um crime e saber que suas chances de sair ileso é bem real e a lei pode até mesmo ampara-lo.

Sr. Ducenil Andrade Mota, 45 anos de idade, morador do bairro Novo Horizonte, começou a trabalhar ainda quando adolescente, aprendeu os valores familiar em saber que para conquistar as coisas, somente através do trabalho. Seu Ducenil, é empregado de carteira assinada, em uma grande empresa mineradora em Oriximiná.

Sem saber mais o que fazer, procurou ajuda na delegacia de polícia em Oriximina.

Lá contou a polícia, que está sendo ameaçado de morte pelo próprio filho, que na noite de terça-feira(16) por volta das 20h ele tentou invadir sua residência, para tira-lhe a vida.

Triste, abatido seu Ducenil, disse que não sabe mais o que fazer, já tentou de tudo, muitas conversas, muitos conselhos, mas nada adiantou. Na última conversa, seu Ducenil, falou ao filho, que tudo o que avia conseguido foi com muito trabalho, que essa era a vida de um homem digno e que não queria o mau dele, pois viver em um mundo onde se consegue as coisa fáceis as consequências podem ser desagradáveis.

Mas os conselhos não deram certo. Seu Ducenil, então resolveu não aceitar a vida que seu filho optou em seguir. O pai acusa o filho por diversos, furtos, assaltos e até mesmo tentativa de homicídio, sendo uma das vítimas seu próprio primo.

Nosso correspondente conversou com seu Ducenil que desabafou: “Amigo, é muito difícil, agente criar o filho com tanto carinho e sacrifício, a gente não pensa o mal para ele só quer o bem. Mas no momento que você, diz, avisa que não quer que ele se prejudique, e ele está cometendo ato que não é certo e você está querendo evitar isso, mas não tem jeito. Então, estou tomando providências, com os recurso que a gente tem, estou apelando para a polícia, pois não tá fácil, não. Eu não gosto que ela faça roubo, assalto, fura as pessoas pela rua, depois as despesas eu que tenho que arcar. Eu não apoio essas coisas. Agora ele tentou invadir minha casa para tentar me matar, junto com outros pessoas que andam com ele. É muito difícil de relatar isso, ele está fazendo isso por que eu não aceito o que ele faz.”

Seu Ducenil, disse a nossa reportagem que acha que agora ele quer tirar sua vida, para ficar com a casa. Seu filho tem 22 anos de idade, se chama Rainy da Mota e tem várias passagens pela polícia.

“Estou aqui para pedir socorro, estou noites sem dormir, a gente chora, não aceita isso, estou desesperado, por isso estou procurando a justiça antes que aconteça algo pior”. Finalizou seu Ducenil.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.6%
10.1%
1.8%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
33.9%
1.5%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp