12/03/2017 às 13h11min - Atualizada em 12/03/2017 às 13h11min

Moradores da rua Pauxis, estão assustados devido ao constante aparecimento de cobra próximo as suas residências.

Por: Walmir Ferreira
Fotos: Valciclei

ÓBIDOS – Moradores da rua Pauxis em Óbidos no Oeste do Pará, estão assustados devido ao constante aparecimento de cobra da espécie Surucucu, uma das cobras mais peçonhentas da Amazônia e sua incidência no norte do Brasil é muito grande.

A rua Pauxis, próximo a antiga olaria, onde a incidência segundo uma moradora é muito grande, fica próximo as margens do Lago Pauixis (laguinho) um lugar propício para a sua reprodução que vai de outubro a março, é exatamente no mês de março que seus filhotes já nasceram e começam o período de caça em busca da sobrevivência em um período de incubação curto e rápido de 76 a 79 dias.

O encontro desse animal com o homem, se dá próximo as margens de rios e lagos, isso acontece devido a mudança em seu habitar ou um nível de desmatamento muito grande, escassez de alimentos. Nesse caso as cobras são de tamanho médio ainda filhotes em fase de crescimento, que cassam principalmente roedores e como a rua Pauixs, não é asfaltada o mato cresce rapidamente no período chuvoso e sem manutenção ou limpeza é o abrigo ideal para as cobras que buscam principalmente abrigo, proteção e alimento.

Segundo Valciclei uma das moradoras com residência na rua Pauixis. “Alguns moradores estão capinando a rua, pelo menos em frente as suas casas, neste domingo (12) pela manhã, meu sogro o Sr. Diocelio Gomes, acabou de matar mais uma cobra Surucucu o que está deixando muitas gente alarmada, só nessa mediação já f

oram 3 ou 4 cobras encontrada e morta pelos moradores”.

O comportamento da surucucu é agressivo e ela é capaz de dar um bote com aproximadamente um terço do tamanho do seu corpo. Quando picado por uma surucucu, o homem apresenta o seguinte quadro: queda na pressão arterial, inchaço e dor no local da picada, diminuição da freqüência cardíaca, alteração de visão, sangramentos na gengiva, pele e urina, vômito, diarréia, necrose e insuficiência renal. O veneno da surucucu, de ação neurotóxica, é extremamente letal, deve-se procurar rapidamente ajuda médica no caso de um acidente. O soro utilizado contra a picada desta serpente é o antilaquésico/antibotrópico laquésico.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual BANDA ou CANTOR que vc gostaria de ver num Grande Evento Paraense em 2020 em Manaus

2.4%
22.4%
10.3%
1.5%
0%
0%
15.5%
1.8%
0.6%
34.2%
1.2%
3.9%
3.9%
2.1%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp