26/02/2018 às 16h40min - Atualizada em 26/02/2018 às 16h40min

A atenção deve ser redobrada quando o assunto é bactéria. Conheça um pouco sobre e descubra que nem todas são tão mal assim.

Por: Sara Evellen

ÓBIDOS - Sempre que falamos em bactérias, logo vem a visão negativa das doenças, vírus e síndromes. De fato, algumas bactérias provocam doenças. Outras, no entanto, são amplamente exploradas para melhorar nossa qualidade de vida, em diversos aspectos: quanto à nossa alimentação, na produção de insulina, nos tratamentos de beleza, no ambiente etc.

Os diabéticos

As pessoas que são diabéticas não produzem ou produzem em pouca quantidade a insulina, que é responsável por levar o açúcar contido nos alimentos até às células que precisam dele para gerar energia ao corpo. Essas pessoas, precisam da insulina humana sintética, só que o quê muitas pessoas não sabem, é que a insulina sintética só pode ser produzida a partir de bactérias, especialmente a Escherichia coli.

Na Estética

No campo da estética pessoal, as bactérias também estão sendo utilizadas, ou melhor, sua toxina é posta em ação. É o caso da toxina botulínica (o "botox") que serve para paralisar, por um período, a musculatura do rosto (linhas de expressão) evitando as rugas da idade.

Na agricultura

As bactérias também são amplamente utilizadas no combate as pragas na agricultura. Um exemplo disto é o Bacillus thuringensis, que ataca as larvas de determinados insetos, produzindo cristais de proteínas que acabam por romper seuintestinos, ocasionando a morte dessas mesmas larvas. Desse modo, elas controlam os insetos que atacam as plantações o que nós denominamos de controle biológico ou natural de pragas.

Na alimentação

Na nossa alimentação, as bactérias são amplamente utilizadas para a fabricação de iogurtes, por exemplo. Você certamente já ouviu falar em lactobacilos vivos, que estão presentes num produto de marca famosa. Mas de que modo as bactérias atuam no iogurte? Bem, elas transformam o açúcar contido no leite (lactose) em ácido láctico. Desse modo, o leite torna-se azedo, mudando assim o seu pH. Isso faz com que a proteína do leite se precipite, formando o "coalho". Mas , em matéria de alimentação, além das bactérias que atuam no leite, há também aquelas que modificam o álcool etílico em ácido acético, formando o vinagre, que tempera saladas e diversos pratos.

Portanto aexistência de diferentes formas de vida em nosso planeta necessita da presença das bactérias e de sua vasta atuação no ambiente, na alimentação, na saúde física e até na estética.  

Para ler mais artigos de Sara Evellin CLICK AQUI

Quer compartilhar seu conhecimento e ter uma coluno no Portal? Entre em contato com agente (92)99112-4378 ou E-mail: portalobidense@gmail.com

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »

Findando o período letivo qual a matéria mais difícil de passar?

6.7%
13.3%
40.0%
8.3%
18.3%
3.3%
10.0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...